Páginas

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Strasbourg, Castelo de Neuschwanstein e Oktoberfest

Primeira viagem depois que a vida universitária na França começou. Fomos pra lá no finalzinho de setembro, do dia 28/09 ao 01/10. 

Partimos de Nantes logo cedo, numa sexta-feira, em direção à Strasbourg, foram cerca de 5h de trem (minha primeira vez num TGV, trem de alta velocidade!). Posso dizer que foi um pouco cansativa, visto que tinha esquecido meus fones de ouvido em casa e não tinha mais nada pra fazer. E andar de TGV não é lá grande coisa, parece um trem normal rs.

Chegando em Strasbourg, fomos recebidos pelo Wilson (amigo da Aline e intercambista que lá habita). Deixamos nossas malas no apartamento dele e fomos conhecer a cidade, que faz fronteira com a Alemanha. É uma cidade bem bonitinha e bem alemã! Tem turistas por toda a parte e é toda florida e movimentada. Gostei bastante, uma cidade bem agradável! Até conseguimos ver o pôr-do-sol da ponte que divide a fronteira entre os dois países!






Na manhã seguinte, esperamos a chegada de mais três brasileiros que iriam de avião e fomos de ônibus para Khel, cidade alemã logo depois de Strasbourg. Lá, alugamos um carro para ir até os lugares que queríamos visitar, passamos no mercado e partimos! Estávamos em oito, quatro pessoas em cada carro.

Acertado o GPS, fomos em direção à Füssen. Lá se encontra do Castelo de Neuschwanstein, inspirador de Walt Disney (sim, o castelo da Cinderela!). Não demos muita sorte, estava chovendo, frio e com uma neblina bem triste. Mas tanto o castelo quanto a paisagem são sensacionais! É um cenário de filme mesmo, com uma floresta e uns caminhos e, de longe, um castelo grande e imponente. Demais!





De lá, fomos pra Munich! Estava meio frio, mas o bom é que não chovia muito quando chegamos! Fomos prum camping, onde estava todo o pessoal de Lille, para deixar o carro no estacionamento deles. Luiz e Bruno (Centrale Lille) se juntaram a nós, jantamos no Burger King e fomos pro centro dar uma volta por lá. É tão horrível estar num país onde não conhecemos NADA da língua! Mas o inglês dos alemães é muito bom, bem melhor que o dos franceses! E eu, na dificuldade para usar o inglês, toda hora sai francês! hahahah




Dormimos no carro, para descansar pro dia seguinte. E antes disso, encontramos algumas canecas e copos jogados pelas ruas da cidade, e agora estão aqui em nossas casas rs. Confesso que foi meio desajeitado dormir no carro, mas foi bom porque não nos molhamos! O pessoal que ficou no camping se ferrou um pouco por causa da chuva rs.


Logo cedo, acordei e tomei café da manhã. O pessoal de Lille chegou e então fui com eles para a Oktoberfest (já que a galera de Nantes enrolou tanto pra acordar! hahaha). Tivemos que pegar um trem para o centro e depois um metrô para chegarmos bem na frente da festa alemã (mas foi tudo rápido, cerca de 15 minutos). Chegamos bem cedo, as tendas e barracas ainda não estavam abertas mas já tinha uma pequena fila rs. Estava eu, Luiz, Bruno, João e Artur (todos de Lille, menos eu rs) na fila para a tenda da HB e eis que encontramos Gui Guegs da UNICAMP! Como essa Europa é pequena... Enfim, entramos, bebemos, comemos e logo saímos para dar uma volta pois não pode ficar lá dentro sem consumir, você é realmente expulso. Chegada a hora de eles irem embora, fui me encontrar com o pessoal de Nantes e passei o resto do dia com eles. Entramos numa tenda que estava CHEIA de brasileiros! Até o Luã (UNICAMP - Marseille) nós encontramos, e lá se tornou nosso QG.








A festa é muito boa! Não é só cerveja, como todos pensam. Claro, tem bastante cerveja e é o principal da festa, mas tem muitas comidinhas típicas, danças, músicas e souvenirs. Vale muito a pena!

Tivemos alguns probleminhas com uma amiga (Juuuuuuu <3), ela se perdeu da gente e realmente entramos em desespero. Mas pro fim da noite nos encontramos (ufa!). No fim, o carro dos gaúchos decidiu voltar na madrugada para Strasbourg e, para não nos separarmos, resolvemos voltar também. Fui copilota do Avatar durante boa parte do trajeto de volta, cantamos absurdo! hahaha. 

Chegando em Kehl, nosso objetivo era ver o amanhecer da ponte na fronteira, mas não tivemos sucesso: estava tudo nublado :(

Devolvemos o carro, fomos para o apartamento do Wilson em Strasbourg e de lá voltamos pra Nantes. Mas antes de voltar, recebemos a notícia que os meninos tinham perdido o vôo pra Nantes (hahahah) e teriam que gastar por volta de 80 eurinhos pra voltar conosco de trem.


Cheguei mega cansada, mas foi um final de semana que valeu muuuuuuuito a pena! :D

Nenhum comentário:

Postar um comentário